Ebooks Grátis

sexta-feira, 2 de dezembro de 2016

COMO MEDIR A QUALIDADE E A PRODUTIVIDADE DA EMPRESA

Indicadores de qualidade medem a capacidade de atender às expectativas dos clientes. E os de produtividade, a utilização dos recursos disponíveis.

Os indicadores da qualidade, ou indicadores da satisfação dos clientes, medem como o produto (ou serviço) é percebido pelo cliente e a capacidade de atender às expectativas dos clientes. Podem ser aplicados para a empresa toda, para um processo específico ou para uma área da empresa.


Pode-se dividir os indicadores da qualidade em dois tipos:

·              Indicadores da não-qualidade.
·              Indicadores da qualidade.

Indicadores da qualidade medem o total de erros, não-conformidades ou desvios que acontecem em um processo em relação ao total que foi produzido. A comparação do resultado obtido na medição de um indicador da qualidade com o índice-padrão de aceitação definido para um determinado processo (ou seja, índice desejado) é chamada de eficácia.

Como o índice desejado na medição é um Indicador da Qualidade de 100%, principalmente quando se pensa em termos de Qualidade, o número resultante da medida de um Indicador da Qualidade é o mesmo da medição da eficácia.

Indicadores de produtividade

Os indicadores de produtividade são ligados à eficiência. Estão dentro dos processos e tratam da utilização dos recursos para a geração de produtos e serviços. Medir o que se passa no interior dos processos e atividades permite identificar problemas e, consequentemente, preveni-los para que não tragam prejuízos aos clientes.


Os indicadores de produtividade são muito importantes, uma vez que permitem uma avaliação precisa do esforço empregado para gerar os produtos e serviços. Além disso, devem andar lado a lado com os de qualidade, formando o equilíbrio necessário ao desempenho global da organização.

Para quantificar a produtividade interna da empresa, deve-se comparar o que foi gerado com o que foi empregado de recursos para produzir determinado artigo. O resultado indicará o quanto está sendo consumido ou utilizado para cada unidade do que foi produzido ou entregue.

Ao contrário dos resultados dos indicadores da qualidade, que aparecem na forma de percentual, os indicadores da produtividade são uma relação entre duas unidades de medida diferentes: uma que quantifica os recursos utilizados e outra que quantifica as saídas produzidas.


É de extrema importância que os indicadores sejam elaborados após a identificação das saídas e dos recursos do processo que vai ser medido. Saídas de um processo são, muitas vezes, recursos de outros. Por exemplo: pessoas treinadas de uma organização são saídas do processo de treinamento, mas devem ser consideradas como recursos disponíveis para os demais processos.

Assim como os indicadores da qualidade, os resultados dos indicadores da produtividade (índices) devem ser comparados com padrões pré-estabelecidos, considerados como os valores aceitáveis para o processo que está sendo medido.

Chama-se de “eficiência do processo” a relação entre o resultado obtido na medição de um indicador de produtividade e o índice estabelecido como padrão do processo.

Pense nisto e tenha uma ótima semana.


Fonte: Sebrae Nacional

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...